Jair Bolsonaro em São Vicente | Foto: Cassio Moraes/Seicom/PMSV

O presidente Jair Bolsonaro visitou a cidade de São Vicente nesta sexta-feira (7). Ao inspecionar as obras na Ponte dos Barreiros, ele novamente estimulou uma aglomeração de apoiadores e tirou a máscara do rosto.

O distanciamento social e o uso de máscara são medidas necessárias para conter o avanço do coronavírus, que já matou quase 100 mil de brasileiros, e constantemente desrespeitadas pelo presidente. Desde o início da pandemia, Bolsonaro minimiza os riscos da covid-19.

O presidente saiu de Brasília, por volta das 8h, e seguiu de avião para São José dos Campos, no interior paulista. Em seguida, ele foi de helicóptero para São Vicente. O presidente chegou no 2º Batalhão de Infantaria Leve ainda pela manhã e foi recebido por militares.

Bolsonaro tira máscara em visita a São Vicente (Foto: PMS)

Em uma cerimônia fechada dentro do batalhão, o vereador Wilson Cardoso deu o título ao presidente. A homenagem foi aprovada pela Câmara do município em junho, em agradecimento ao repasse de R$ 58 milhões do governo federal para as obras emergenciais da ponte, interditada após risco de desabamento.

A Ponte dos Barreiros é a principal ligação entre as áreas Continental e Insular de São Vicente. Atualmente, o tráfego está restrito aos veículos leves, por decisão judicial. Após a homenagem, Bolsonaro seguiu para o local, que foi parcialmente interditado para a visita.

No entanto, apoiadores já se aglomeravam e gritavam ‘mito’ na entrada da área. O presidente circulou pela estacas da ponte e depois subiu as escadas para verificar a passagem de veículos. Neste momento, ele tirou a máscara de proteção e acenou para os bolsonaristas. Depois, ele desceu da ponte, se aproximou das pessoas e tirou fotos. O momento foi registrado em vídeo pelo jornal Diário do Litoral.

Bolsonaro retornou ao batalhão para o almoço. A previsão é que o presidente Jair Bolsonaro retorne para São José dos Campos de helicóptero e volte de avião para Brasília no fim da tarde.