Gabriel Bandeira conquistou o ouro nos Jogos Paralímpicos de Tóquio - Foto: Reprodução

O Brasil estreou nos Jogos Paralímpicos de Tóquio nesta quarta-feira (25) conquistando quatro medalhas na natação, uma delas de ouros, nas piscinas do Centro Aquático.

Estreante em Paralimpíadas, Gabriel Bandeira, e 21 anos, conquistou o primeiro ouro brasileiro ao vencer os 100m borboleta da classe S14 da natação, para pessoas com deficiência intelectual. O nadador ainda quebrou por duas vezes o recorde paralímpico, cravando 54s76.

A primeira medalha brasileira foi de outro Gabriel, Araújo – o Gabrielzinho -, que conquistou a prata nos 100m costas da classe S2 da natação. No pódio, ele animou a competição com sua dancinha.

Maior medalhista brasileiro nos jogos, Daniel Dias conquistou seu primeiro pódio em Tóquio com um bronze nos 200m livre da classe S5 – sua 25ª medalha paralímpica.

Phelipe Rodrigues, outro veterano, conquistou o segundo bronze brasileiro no primeiro de dia da competição. Ele terminou em terceiro nos 50m livre da classe S10. Phelipe já conquistou cinco pratas e três bronzes em Jogos Paralímpicos.