Foto: Twitter/Corpo de Bombeiros de Miami-Dade

Um prédio residencial de 12 andares que fica de frente para o mar desmoronou parcialmente em Miami Beach, na Flórida (EUA), na madrugada desta quinta-feira (24), nos Estados Unidos.

A polícia de Miami confirmou até o momento um óbito e 35 resgates da parte do prédio que não desmoronou. Dez pessoas ficaram feridas, e duas precisaram ser levadas ao hospital.

Apenas duas pessoas foram retiradas dos escombros até o momento e não se sabe quantas estão desaparecidas, de acordo com o porta-voz dos bombeiros.

A rede de TV NBC mostrou ao vivo o resgate de um adolescente. Segundo o jornal “Miami Herald”, as autoridades preveem mais fatalidades. Veja abaixo:

O sargento Marian Cruz, do Corpo de Bombeiros de Miami-Dade, afirmou à agência de notícias Associated Press: “Estamos em cena, então ainda está muito ativo. O que posso dizer é que o prédio tem 12 andares. Toda a parte de trás do edifício desabou”.

O condomínio com vista para o mar tem mais de 100 unidades. Ele foi construído em 1981, no canto sudeste de Surfside, área de Miami Beach, uma cidade-ilha interligada por pontes a Miami continental. Os municípios ficam no distrito de Miami-Dade, no sul da Flórida.

Algumas unidades de dois quartos do condomínio são negociadas atualmente no mercado com preços entre US$ 600 mil e US$ 700 mil, segundo a polícia (entre R$ 3 milhões e R$ 3,5 milhões na cotação atual).

O prefeito de Surfside, Charles Burkett, afirmou que as buscas “não serão algo rápido”. “Vai ser algo que deve durar até a próxima semana”.

Com informações do G1